#1 – Nova Semente

Tive a grata oportunidade, no Sábado passado, de cantar na Nova Semente. Já havia cantado lá em mais de uma ocasião, mas dessa vez foi diferente. Pela primeira vez, cantei músicas do repertório do meu primeiro disco solo, que ainda está para ser gravado. Devido a alguns contratempos, quase que não rolou, mas Deus é maravilhoso, e deu tudo certo. Não costumo ficar nervoso, mas a ansiedade foi mais forte do que eu. A primeira vez é a primeira vez, e fiz cobaias dos que ali estavam presentes. As músicas:

  1. Tudo de Novo (nome provisório) (Felipe Valente)
  2. Como Duvidar (Tuiu Costa)
  3. Retalhos (Candido Gomes)

Vale ressaltar que ‘Como Duvidar’ foi gravada no disco Pode Cair o Mundo…Estou Em Paz do Novo Tom, grupo do qual participo também. A sensação de cantar as inéditas foi melhor do que eu imaginava que fosse. Uma coisa é você ouvir uma demo de baixa qualidade, gravada pelo compositor na esperança de que você goste daquilo que ele fez. Outra coisa é você ver a música tomar corpo, criar vida própria. É uma sensação única. Se eu tivesse dez músicas pra cantar, teria cantado as dez. Mas só tinha três. Por enquanto.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s